Leite Ninho +1: bom ou não para as crianças?

Por Camila Leão.    

        Imagem

Ao fazer uma análise do Leite Nido (Leite Ninho mexicano) comercializado no México, a entidade civil El Poder Del Consumidor concluiu que este produto não possuía as características necessárias para ser indicado para crianças de 1 a 3 anos, como recomendava o seu rótulo. A partir deste estudo, o PropagaNUT decidiu avaliar o Leite Ninho +1, produto similar vendido no Brasil.

O Leite Ninho +1 é um produto da marca Nestlé, recomendado, especialmente, para crianças a partir de 1 ano de idade. No rótulo está escrito a palavra “fases”, indicando que cada fase da infância tem um produto específico. Como existe no mercado outro produto similar, porém indicado para crianças a partir dos 3 anos, entende-se que o primeiro é voltado para o público de 1 a 2 anos. Porém, será que esse produto é realmente indicado para essas crianças? Será que ao oferecermos Leite Ninho +1 estamos cuidando dos nossos filhos?

A Organização Mundial de Saúde (OMS) preconiza que crianças com menos de dois anos não devem consumir açúcares adicionados e, apesar disso, esse produto contém 3 tipos desses açúcares: xarope de milho, inulina e frutooligossacarídeos. Ao ler o rótulo, muitas vezes o consumidor não sabe o que são esses ingredientes e acredita estar oferecendo para seus filhos os nutrientes que eles precisam. A realidade é que, em cada copo de 200ml, a criança consome, em média, 15g de açúcar incluindo a lactose, açúcar proveniente do leite. Para piorar, sabe-se que normalmente a frequência diária de consumo desse produto é maior, podendo chegar a quase 50g de açúcar por dia, caso a criança o tome três vezes por dia.

Outro ponto importante a ser considerado quanto à composição desse produto é a quantidade de sódio que ele possui. No mesmo copo de 200ml citado anteriormente, a criança consome 73mg de sódio, ou no caso das três vezes por dia, 219mg de sódio. O consumo recomendado para esta faixa etária é de 1100mg, portanto 20% desse valor já estaria sendo consumido.

Pode-se observar que na composição nutricional apresentada no rótulo, de acordo com a legislação brasileira, as quantidades de cada ingrediente são comparadas a um consumo de 2000kcal diárias. Entretanto, o público para o qual o produto é destinado, normalmente consome menos calorias.

Na parte de trás da embalagem, encontram-se alegações  que indicam que o Leite Ninho é saudável. Porem assim como mostrado anteriormente,  um produto que contem quantidades elevadas de açúcar de adição, não pode ser considerado saudável.

É importante considerar também que o alto consumo do leite de vaca pode desencadear doenças como a intolerância à lactose e alergia  à proteína do leite. No caso de crianças este problema é ainda maior, devido a vulnerabilidade  deste grupo. Estudos mostram que o consumo de leite de vaca está relacionado com a ocorrência de diarreia e anemia, entre outras doenças.

A reflexão quanto a publicidade realizada por esta empresa, também pode ser estendida para o seu site. Ao acessar página observa-se uma publicidade voltada para crianças, feita a partir de uma promoção que permite ao ganhador conhecer os atores de uma famosa novela infantil. Vale ressaltar que para concorrer, a criança precisa consumir um outro produto rico em açúcar adicionado (Farinha Láctea Nestlé).

 Imagem

Outro aspecto interessante é a presença de links relacionados a alimentação e hábitos de vida saudável, no mesmo espaço onde encontram-se propagandas de alimentos e receitas não saudáveis. Esta mistura de conteúdos confunde o consumidor e o induz a fazer correlações inadequadas quanto aos alimentos e seus benefícios ou prejuízos.

Imagem

Conclui-se portanto que é necessário analisar criticamente o rótulo e a composição dos alimentos na hora da escolha do que consumir, buscando sempre opções mais saudáveis para nós e para nossos filhos.

About these ads

51 Comentários

Arquivado em Notícias

51 Respostas para “Leite Ninho +1: bom ou não para as crianças?

  1. Ana Luiza

    Minha cunhada é médica e antes de ter filho vivia dizendo isso: toda mulher tem leite suficiente, ate homem, se o bebe sugar terá leite, etc… Qdo nasceu a primeira filha, a bebe chorou um mês seguido pq ela tentou amamentar, mas nao tinha leite suficiente. Cuidado com o que afirmam com toda certeza pq isso pode prejudicar os outros. Amamentar é ótimo, mas tem gente q nao consegue e isso não é o fim do mundo. Existem N fórmulas feitas para os bebês hoje em dia. Aliás, esse post falou mal do Ninho, mas nao apresentou soluçao alguma. De que adianta?
    E o tanto de pediatra q receita o Ninho 1 p bebês c um ano? Estão todos malucos? Ou são irresponsáveis? Ou será q esse post é o irresponsável?

    • Anônimo

      Acho este post super responsável!!! Afinal o seu papel e nos orientar para lermos os rótulos e darmos o menos pior para os nossos filhos! Se a sua pediatra recomendou, beleza! A minha também recomendou e depois que EU li e pesquisei todos os ingredientes, marquei uma consulta e disse para ela que não iria mais dar o Ninho 1, devido à quantidade de açúcar! Óbvio que ela concordou comigo, então passei a dar Milnutri e nem filho se adaptou super bem com o leite e eu pude ficar com a consciência tranqüila!!!

      Em relação a amamentação, como esposa de neonatologista, acredito q toda mulher pode amamentar SIM! Basta ter força de vontade! Eu também não tinha muito leite e muitas vezes, pelo menos duas mamadas, colocava junto ao mamilo uma sondinha com fórmula infantil!! Assim meu filho mamava o pouco de leite que tinha e o complemento juntos, sem deixar de estimular a produção de leite!! Por isso repito:TODA MULHER PODE AMAMENTAR, BASTA QUERER! E se for usar fórmula intantil, use em uma sondinha, junto ao bico do seio (assim o bebê estimula a produção de leite) e NUNCA NA MAMADEIRA!!!

  2. Ana Luiza

    Minha cunhada é médica e antes de filho vivia dizendo isso: toda mulher tem leite suficiente, ate homem, se o bebe augar terá leite, etc… Qdo nasceu a primeira filha, a bebe chorou um mês seguido pq ela tentou amamentar mas nao tinha leite suficiente. Cuidado com o que afirmam v toda certeza pq isso pode prejudicar os outros. Amamentar é ótimo, mas tem gente q nao consegue e isso não é o fim do mundo. Existem N fórmulas feitas para os bebês hoje em dia. Aliás, esse post falou mal do Ninho, mas nao apresentou soluçao alguma. De que adianata?
    E o tanto de pediatra q receita p. Ninho 1 p bebês c um ano? Estão todos malucos? Ou são irresponsáveis? Ou será q esse post é o irresponsável.

    • Regina

      Olá, gostaria de contribuir com este post. Sou mãe adotiva e amamentei por um ano e oito meses. Usei a sonda e com 15 dias já tinha leite. Meu bebe continuou usando por mais uns meses a sonda mas depois não precisou eu tinha leite o suficiente. Cheguei a amamentar um sobrinho pois minha irmã por ter feito uma cirurgia nos seios não tinha leite. Bem concordo que nem todos tem leite mas também concordo que a amamentação é possível também para aqueles que não engravidaram eu sou uma prova. Quanto a leite ninho ou outro o importante é darmos frutas, verduras e demais alimentos para nossos filhos também e não só o leite.

  3. Isabella

    Olá! Tenho um irmão de 7 anos de idade e ele tem alergia ao leite de vaca… O médico desde pequeno indicou para que ele tomasse o Caprilat (em pó) minha mãe achando que ele estava um pouco magro começou a misturar junto ao leite de cabra o leite ninho em pó. Ultimamente ele anda tendo muitas dores de barriga… Você acha que essa dor de barriga é pelo fato da mistura do leite ninho com o leite de cabra?

    • Isabella

      Olá! Tenho um irmão de 7 anos de idade e ele tem alergia ao leite de vaca… O médico desde pequeno indicou para que ele tomasse o Caprilat (em pó) minha mãe achando que ele estava um pouco magro começou a misturar junto ao leite de cabra o leite ninho em pó. Ultimamente ele anda tendo muitas dores de barriga… Você acha que essa dor de barriga é pelo fato da mistura do leite ninho com o leite de cabra?

  4. mnica

    Olá minha bebê completou 5 meses e só mama no peito, mas como sempre tive dificuldade com a descida do leite (apesar dela mamar de hora em hora, eu tomar mingau de aveia e remedios pra descida do leite), minha bebê não consegue se satisfazer, e na consulta o médico disse que ela tá com peso abaixo do esperado. Ele mandou dar Nestogeno ou Ninho pra ela… Mas eu não sabia que tinha tantos Ninhos assim…
    Será que posso comprar o Ninho em pó integral e quando for diluir ferver ele? Pois a caixinha vai acabar estragando na geladeira, pois pretendo continuar insistindo no peito, até ela completar 6 meses e eu poder dar papinha pra ela.

    • Suzana

      Por experiência própria lhe indico não dar Ninho antes de 1 ano. Existem outros leites específicos para esta fase. Minha filha não se sentia bem com NAN, já com o Aptamil 1 ela ficou ótima e começou a ganhar peso. Nos rótulos destes leites é informado que não devem ser fervidos, observe isso no que for comprar.
      Procure estimular mais a sua mama, fazendo ordenha manual com bastante frequência, especialmente durante a madrugada, e busque complementar com seu próprio leite (o que você ordenhar e guardar em geladeira).

      Espero ter lhe ajudado. Minha filha não ganhava peso também. Hoje ela tem 1 ano e 9 meses, e continua abaixo do peso, ela tem refluxo desde o nascimento. É muito difícil para ela engordar.

      Até mais!
      Suzana

  5. Celeste

    Corrigindo: frutooligossacarídeos e inulina, apesar de classificados como carboidratos não são açúcares e sim prébióticos que apresentam diversas ações importantes no organismo de crianças e adultos.

  6. Anônimo

    olà minha filha tem dois meses e eu dou leite de caixinha pra ela , mais ela mama o peito também , mais o leite de caixinha ta dando diarreia nela oque eu faço ?

    • GLAUCIA

      O MAIS INDICADO E VOCE PREOCURAR UM PEDIATRA,ELA E MUITO NOVA PARA TOMAR LEITE DE CAIXA.MINHAS FILHAS NUNCA MAMARAM E SEMPRE TOMOU LEITE DE LATA INDICADA PELA PEDIATRA.

  7. Anônimo

    Enfim…resumindo todos vocês falaram tanto e não disseram nada.
    O melhor é o materno, mas se por motivos pessoais em que não for possível dar ao bebe, na minha opinião, que estou viva e com ótima saúde, não tenho e nem nunca tive nenhuma doença grave e nem nenhum tipo de alergia…sempre tomei leite diretamente da vaca fervido, excelente melhor impossível, pode ter gordura, mas é uma gordura saudável…melhor do que dá substâncias estranhas que vem em caixinha ou latas com rótulos que dizem conter substâncias que na verdade não tem, e ainda a maioria é sódio,conservantes,remédios…o que tem gerado tantas doenças cancerígenas…Meu bebe nasce logo, espero poder dar o meu leite, mas se não for possível, faço da forma em que fui tão bem criada! Bjoss á todos.

  8. Elisangela

    Qual leite devo alimentar uma criança de 3anos

  9. Parabéns pelo blog e obrigada por essa postagem tão relevante! Gostaria de saber a opinião de vcs sobre o leite vegetal como alternativa p crianças de 2 anos pôs aleitamento ou alternando. Obrigada!

  10. Val

    Ola!Por favor me tirem uma duvida? Tenho um filho de 2 anos,se ele tomar o leite de saquinho, caixinha ou tirado da vaca mesmo ele da uma diarreia forte. Se ele toma o piracanjuba 0 lactose o intestino prende,e se toma o ninho fortificado ou fases o intestino funciona bem? Qual sera o motivo,se o ninho e de vaca tambem? Obrigada!

    • Daki

      Olá, tudo bem?? Eu sou estudante de nutrição e pelo que estudei o seu filho tem está diarréia devido a proteína do leite.no lente de vaca “normal” tipo saquinho, caixinha e o da vaca mesmo a proteína (lactose)presente no leite está “inteira”(como se fosse um partícula gigante), já nas fórmulas infantis ou compostos lacteis, está proteína está quebrada (como se fossem pequenas partículas) , por isso a digestão é muito mais fácil. Já no leite sem lactose, não existe esta proteína. Acredito de seu filho tenha esta diarréia, pois o seu intestino ainda não está preparado para digerir a proteína “inteira”, mas quando ela já está um pouco degradada ele consegue!!! O ideal é vc dar o leite que ele não apresente diarréia, ou as fórmulas ou até mesmo o sem lactose (piracanjuba). E vai tentando aos poucos dai a alguns meses ou até anos inserir o leite de vaca de caixinha ou saquinho, na dieta dele. Beijos e tudo de bom para vocês!!

      • tecnica em laticinios

        Lactose é carboidrato..ta precisando estudar mais!

      • Daki

        Obrigada pela resposta da técnica em laticínios, RETIFICANDO então: a proteína presente no leite de vaca e na fórmula infantil é a CASEÍNA, que pode causar APLV em alguns bebês.
        Já a lactose é o “açúcar” presente no leite. Alguns bebês também podem ter pouca produção de enzimas (lactase), para digerir este açúcar , podendo ocasionar também diarréia.

    • Anônimo

      Minha filha tem 1 ano e 6 meses e gostaria de deixar aqui as minhas buscas. Passei e passo também por toda essa fase de dúvidas e angústia quando o assunto é alimentação. Fugi do Enfagrow e Ninho 1+ (indicado pela pediatra) por conta justamente dos ingredientes comentados anteriormente. Pesquisei muito na internet em vários posts sobre o “Leite após 1 ano de idade” e a opção mais razoável ao meu ponto de vista, foi o leite Leitíssimo (UHT, integral), produzido através de vacas alimentadas de capim e vivem livres (sem confinamento), o leite não tem antibióticos e ou hormônios. Mas me preocupo também com a gordura animal que existe no leite de vaca. Comecei a me questionar porque o leite ocupa um espaço tão importante na alimentação dos pequenos, e imagino que seja principalmente por conta da quantidade de CÁLCIO que possui, além dos outros nutrientes. Eu já sabia, através de médicos, que o leite de vaca apesar de ter grande quantidade de cálcio, tem absorção relativamente baixa no organismo se comparada a outros alimentos.

      Encontrei informação importante pra mim sobre percentuais de absorção de cálcio no organismo:
      – Vegetais verdes-escuros = 50 a 70%
      – Leite de vaca = 32%
      – Amêndoas = 21%
      – Feijões = 17%
      – Espinafre cozido = 5%

      A partir daí me preocupei em focar em alternativas de fontes de cálcio.
      Na Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (http://www.unicamp.br/nepa/taco/contar/taco_4_edicao_ampliada_e_revisada) foi onde encontrei alimentos com alto teor de Cálcio:

      – Peixes (Lambari, Manjuba, Sardinha, Pescada)
      – Gergelim, Amêndoa
      – Coentro, Manjericão, Salsa
      – Linhaça
      – Couve
      – Gema de ovo
      – e muitos outros!

      Faço o possível para que minha filha se alimente com variedade de outros alimentos que contenham boas fontes naturais de cálcio no cardápio (tento pelo menos, mas não é fácil) assim posso tirar um pouco a medalha de “Ouro” que eu dava ao Leite de origem animal ou de compostos lácteos.

  11. JO

    QUERER DAR LEITE MATERNO É UMA COISA!
    TER LEITE MATERNO É OUTRA BEM DIFERENTE!!!

    • Anônimo

      Olá, apenas gostaria de informar q TODAS as mulheres tem leite!!!! Até mulheres q adotam conseguem amamentar seus filhos através da relactação!!! Quem não tem produção de leite suficiente deve consultar seu gineco/obstr. para q o mesmo prescreva medicações, como ocitocina, para aumentar a produção de leite!!!!!

      • Anônimo

        Infelismente nao consegui amamentar meu bebe so com LM,e olha q tomei varios remedios receitados pelo meu GO e mesmo assim tive q incluir formula infantil na dieta dele,e quando meu bebe completou 5 meses meu leite secou de vez.

      • Anônimo

        O meu também secou com 4 meses..Isso de que toda mulher tem leite é balela..Eu queria muito amamentar, tomei remédios e nada!!!

      • Anônimo

        Isso de ficar afirmando que todas as mulheres tem condições de produzir leite de boa qualidade e quantidade não condiz com a natureza humana. Afinal, se existem pessoas com insuficiência cardíaca, renal, pulmonar, etc, porque as glândulas mamarias seriam as únicas perfeitas em toda e qualquer mulher?

    • Bruna

      Toda mulher é capaz de produzir leite, exceto aquelas que fizeram cirurgia de redução mamaria.
      Muita mulher diz que não tem leite o suficiente, porque oferecem outros tipos de leite para os bebês, e estes estando satisfeitos não sugam o seio e consequentemente se o seio não é estimulado, não produz leite.

  12. Daki

    Quero dar parabéns pelo blog, amei!!! Sou estudante de nutrição e mãe de um menino de 2 anos. Acho muito importante está informação sobre a quantidade de açúcar nos alimentos q compramos, pois algumas vezes vamos apenas pela propaganda e não pela composição do alimento. O que é um erro gravíssimo! Fiquei um pouco triste com alguns comentários, achei q muitas pessoas não deram o devido valor a este post, que para mim foi muuuito útil e também não entenderam q a idéia não é indicar nem fazer propaganda de nenhuma marca, mas sim fazer as pessoas pensarem e lerem antes o que vão dar para o seus filhos. Parabéns pela matéria!

  13. Anônimo

    Já que o leite tem muito açúcar e sabemos que isso faz mal é bom consumir leite vegeta, pois este leite é bom para a saúde de toda a família.

  14. Reinaldo Cesar

    Bom, o que eu entendi é que a informação do site é válida, embora muitos aqui não entendam e querem saber qual Leite é melhor para crianças. O que é dito aqui é que o Ninho +1 não é bom pois não é LEITE e sim COMPOSTO LACTEO e se querem saber qual leite é melhor o certo é procurar um PEDIATRA (a menos que achem que pediatra é o dotô que cuida dos PÉS). E o comentário do Luiz Antônio?? que coisa é aquela? Só pelo fato de que temos liberdade de expressão não quer dizer que podemos dizer qualquer bobagem, sob pena de sermos taxados de burros ou analfabetos. Aliás quando se diz algo a exaustão e as pessoas não entendem sobra apenas essas duas opções não é Luiz? O nobre leitor ainda viaja na maionese ao confundir carboidratos com açucares (propriamente dito). O caríssimo parece defender o sistema de vigilância sanitária e a indústria de leite em relação a pasteurização e etc… como confiar se até a pouco tempo estavam servindo “água oxigenada” pasteurizada?? Deve ser para matar as bacterias. Não caríssimo, não é incompetência, é má fé. Então eu faço o que devo fazer, FERVO o leite pasteurizado mesmo porque não há contra indicação, a não ser a de beber ele quente. E vou responder sua ultima pergunta: Acaso precisa ferver água da torneira para se beber? E por acaso voce bebe água diretamente da torneira?

    Por fim reforço o que a página diz: NÃO DÊ LEITE NINHO A SEU FILHO MENOR DE 1 ANO E ATÉ MESMO 2 ANOS. Qual devo dar?? PROCURE UM PEDIATRA PARA RECEITAR QUAL É MELHOR.

  15. Luiz Antonio

    olá.
    Primeiramente eu acho exagerado vocês ficarem repetindo a importância do aleitamento materno. Uma vez basta. Mais do que isso é chamar os leitores de burros ou analfabetos. Se vocês entendem isso, por que os demais não entenderiam? Isso já ultrapassa a questão “técnica” e entra na linguagem, na comunicação.
    Esclarecido isso, certo?

    No comentário acima falaram que é ruim a quantidade de açucar. Mas o leite integral tem quase 40% de açúcar (carboidrato). E vocês não apresentaram valores para fazer a comparação. Nesse caso, qual seria a vantagem ou diferença??
    Mais sódio é fácil entender que não é bom.

    Mas vocês deveriam refletir na resposta do pai solteiro. Qual a finalidade desse post? Se é algo puramente acadêmico, que não se incomoda em gastar tempo em discutir o sexo dos anjos, ai pode ser. Mas, se existe uma leve intenção de serviço e utilidade pública, vocês deviam imaginar a situação dele (e de todos os demais que não tem mais leite materno a disposição), entrando numa farmácia e pegando um pacote para dar para o filho. A questão dele era só essa! Qual pacote escolho? Qual o melhor? Ou, pelo menos, o que precisa ter para ser melhor? Tudo o resto que vocês colocam, que tem que ter alimentação, etc. Parece que só aqui que existe essa informação. Vocês não estão doutrinando ninguém não. Pelo menos imagino que não seja a intenção.

    O comentário acima também merece edição. Como recomendar ferver o leite pasteurizado???? Acaso o sistema de vigilância e os laticínios são ineficientes ou incompetentes? A pasteurização é o processo reconhecidamente seguro para a eliminação de contaminações do leite, que será sempre somado às boas práticas efetuadas pela coleta e manipulação do leite. Qualquer afirmação diferente é desconhecimento do processo ou uma acusação velada ao descumprimento pelas entidades responsáveis. Acaso precisa ferver água da torneira para se beber? E veja que ela recebe esgoto em vários rios…..
    Boa reflexão.

  16. Luana

    Esse leite de vaca de caixinha que vcs falam, é aquele vendido no supermercado? Qualquer leite UHT integral de caixinha com até 3% de gordura, serve para oferecer a uma criança de 1 ano? Como eu sei se é de vaca?

    • Olá Luana! Bom, a grande maioria dos leites UHT disponíveis nos supermercados são de vaca sim! Já as formulações infantis, são compostas por leite de vaca, mas em uma diluição e concentração que são adequadas para a tolerância da criança. Se a criança for menor de 1 ano, não é recomendada a introdução de leite de vaca; se já tiver 1 ano ou mais, o ideal é fazer um acompanhamento com um nutricionista para verificar qual opção é mais adequada para a criança, analisando o caso dela individualmente, ok?

  17. Pamela Leitão

    Olá a minha bebe tem 8 meses e toma ninho + 1 com mucilon, nao toma outro tipo de mama, já tentei todos os tipos, antes ele só tomava nan confor no máximo 120 ml, com este mama ela toma 210 e está com o intestino ótimo, antes eu tinha que ajudar a ela era um sofrimento, eu estou prejudicando o organismo da minha filha? por favor me de outra opção.
    Leite de vaca ela não quis, e o ninho comum prendeu muito ela, oq eu faço?

    • Olá Pamela! Bom, como a sua filha tem apenas 8 meses, o ninho +1 e o mucilon realmente não seriam indicados para consumo, pois são compostos lácteos, apresentando ingredientes (como óleo e açúcar, por exemplo) que não fazem bem para o organismo dela nesse momento (já que ainda é muito novinha). O mesmo vale para o leite de vaca e o leite ninho (que é leite de vaca em pó) uma vez que o sistema imunológico dela ainda está sendo fortalecido para tolerar esses alimentos no futuro. O ideal mesmo seriam as fórmulas infantis compostas somente por leite, vitaminas e minerais, que são formuladas com leite de vaca, mas em uma diluição e concentração que são adequadas para ela. Exemplos desta seriam o NAN, Nestogeno, Aptamil, etc. Porém, o mais indicado é que você procure um pediatra e/ou um nutricionista para avaliar qual é a melhor opção para ela, acompanhando também o funcionamento intestinal da criança, de forma que esses profissionais irão indicar, além do leite/fórmula, alimentos que auxiliem no funcionamento do intestino.

    • Nossa, combinação de puro açucar e tb pod edesenvolver alergia e microsangramentos, além do problema do ferro e sódio. Volte para a formula, se o problema for o preço, compre o o Milupa que é bem barato. E corte ja esse mucilon, substitua por farinha de aveia.

    • Anônimo

      Oi meu bebe tem 1 ano e 3 meses mama no peito ,mas como vou voltar a trabalhar estou dando mamadeira ele esta tomando ninho1+ com mucilom tem algum problema foi indicado pela pediatra.. mas sera que é o melhor pra ele …

  18. Maria

    Minha filha tem 1 ano e 3 meses,depois que começou tomar o leite 1 + começou diarréia o que eu faço?

  19. Vanessa

    Os melhores leites após o 1 ano de idade são os COMPOSTOS LÁCTEOS. Não é só o Ninho 1+ que é composto lácteo. O Enfagrow da Mead & Johnson e o novo composto Milnutri da Danone também são compostos lacteos! São leites excelentes e caríssimos! O composto lácteo nada mais é do que trocar a gordura animal do leite e trocar pela gordura vegetal que é muito mais saudável. E uma quantidade de açucar é essencial pros bebes sim, o Enfagrow tb tem, só Milnutri que não tem. Mas açucar também faz parte da alimentação, mas claro sem excessos! Compostos lacteos são para crianças e leite para bezerro! Crianças nem precisam de leite, elas precisam de calcio e vitaminas!

  20. Pingback: Entendendo melhor sobre as Fórmulas Infantis | PropagaNUT

  21. Luana coutinho

    Meu Pediatra recomendou que eu usasse o leite aptamil ,uso desde os 6 meses, pois tive que parar de amamentar, comparando com o ninho e o nan , em questão nutricional o aptamil é 10,meu filho hoje tem 2 anos com 15 kl e 99 cm , ele não come direito comida oque salva mesmo é o leite que toma 3 x ao dia..espero ter ajudado.
    luana.

  22. Com todos os produtos químicos encontrados no leite de vaca que é tudo menos leite…. Ta difícil viu!!!! As tais critiqueiras quando não tem opções a nos revelar FAZEM PROPAGANDA DO ALEITAMENTO MATERNO!!!!! bla, bla, bla….. ora, ora!! QUE EU SAIBA AQUI É UM POST SOBRE LEITE EM PÓ….. SE NÃO TEM SOLUÇÃO PRA ESSE IMPASSE, SEJAM HUMILDES E DIGAM NAO SEI!!! NIGUEM ESTA AQUI PARA OUVIR SOBRE ALEITAMENTO MATERNO!

    J. Pierre (pai solteiro de 2 bebes)

    • Bom dia, J. Pierre.
      Primeiramente, este post era sobre o leite em pó sim, porém sempre sempre que profissionais de saúde discutem sobre o tema da alimentação infantil, principalmente quando envolve um alimento consumido por crianças menores de 2 anos, é reiterada a IMPORTÂNCIA DO ALEITAMENTO MATERNO sim, pois este é um ALIMENTO COMPLETO para crianças até 6 meses e recomendado para crianças ate 2 anos ou mais, fornecendo todos os nutrientes necessários ao adequado desenvolvimento. Sabemos que existem casos nos quais o aleitamento materno é impossibilitado – existindo opções mais adequadas do que o leite de vaca e, mais ainda, do que o Leite Ninho, visto que este é um composto lácteo, assim como comentamos anteriormente. Gostaríamos de deixar claro que, em momento nenhum assumimos a nossa opinião como verdade absoluta – tanto que pedimos para a Tassi (colega dos comentários anteriores) para nos mandar os textos que ela tinha lido, para que pudéssemos analisar e entender melhor as suas dúvidas. Tendo em vista que o assunto está gerando muita polêmica, vamos escrever um post específico sobre isso em breve.

      • Não é o assunto que gera polemica! São as respostas. Manter o foco sobre um assunto sem derivar é o mais hábil e útil. Se mães e pais vos escrevem para ESCLARECER SOBRE uma dúvida de QUAL LEITE EM PÓ É O MAIS INDICADO E QUE RECEBEMOS RECOMENDAÇÕES SOBRE ALEITAMENTO MATERNO…rs…. precisamos desenhar esta situação?? SOU PAI SOLTEIRO DE 2 BEBES E TENHO DÚVIDAS SOBRE O MELHOR LEITE PARA MINHAS FILHAS…. IMAGINE VOCE RECEBENDO RECOMENDAÇÕES DE ALEITAMENTO MATERNO!!!! ou seja, não fiquei esclarecido…. Para ouvir isso eu não precisava postar algo com voces. Obrigado.

      • Caro Jean,
        Nós trazemos a discussão sobre os leites industrializados disponíveis no mercado (mais especificamente, sobre o NINHO +1) para que os pais se questionem, reflitam e entendam o que realmente estão oferecendo a seus filhos achando ser a opção mais saudável – o próprio NINHO +1 não é leite e nem fórmula infantil é um COMPOSTO LÁCTEO. E muitos pais não sabem disso, não notam ou acham que não existe diferença. É essa informação que tentamos deixar claro! Além da importância de ler o rótulo para conhecer o que se está oferecendo para a criança No caso de fórmulas infantis e leite de vaca, a situação precisa ser avaliada caso a caso e de acordo com a tolerância, aceitação da criança e vontade dos pais – se a mãe decide parar o aleitamento; se a mãe opta por não oferecer leite de vaca, mas um leite de cereais, como de quinoa por exemplo, após os 6 meses; se O PAI É SOLTEIRO, entre diversos outros fatores individuais e pessoais. Logo, se você tem tantas dúvidas assim, porque não procura um profissional de saúde, como um pediatra ou um nutricionista, para avaliar qual o melhor leite para seus filhos, analisando a situação INDIVIDUAL DE CADA UM? Não podemos simplesmente dizer que este ou aquele é o melhor, pois é preciso avaliar – verificando se a criança está saudável, se tem alguma alergia, se tem intolerância à lactose, se tem refluxo gastroesofágico, qual a idade da criança, enfim, se tem uma série de fatores que indicam o uso da fórmula “X”, do leite de vaca integral ou do leite em pó. E até mesmo, se realmente existe indicação e necessidade do uso de leite ou de uma fórmula, já que a partir dos 6 meses é importante a introdução de ALIMENTOS.

        Se tiver interesse, escrevemos um post sobre fórmulas infantis que explicam um pouco sobre isso, mas não fazemos um recomendação específica porque, mais uma vez, CADA CASO É UM CASO QUE PRECISA SER AVALIADO INDIVIDUALMENTE PELO PROFISSIONAL DE SAÚDE E PELOS PAIS.

        Gratas.

        O link do post para facilitar: http://propaganut.wordpress.com/2013/10/07/entendendo-melhor-sobre-as-formulas-infantis/

  23. tassi diniz

    Que lindo! A matéria joga uma bomba no colo dos pais e não oferece nenhuma solução???? Realmente muitos dao o leite ninho pensando ser ele o mais saudável. E como não eh, qual devemos dar? Qual seria mais indicado para um bebê de 18 meses por exemplo?

    • Olá, Tassi!
      Bom, inicialmente, gostaríamos de ressaltar a importância do aleitamento materno EXCLUSIVO até os 6 meses de idade da criança, visto que fornece todos os nutrientes necessários para um bom crescimento e desenvolvimento. A partir dos 6 meses, é necessária a introdução da alimentação complementar com introdução de frutas, vegetais, cereais, leguminosas, carnes, etc. Nesse período, a criança pode e deve continuar a ser amamentada com o leite materno até os 2 anos ou mais. No caso de a criança não consumir mais o leite materno, a melhor opção de leite a ser ofertada é a que não contenha açúcar, óleo, sódio e aditivos alimentares adicionados ao produto (como é o caso do Leite Ninho). Uma opção mais adequada seria o próprio leite de vaca de saquinho (fervido) ou de caixinha, atentando para que a criança não mantenha a base de sua alimentação em mingaus e outras preparações que tenham o leite como ingrediente principal, pois é preciso estimular a mastigação, desenvolver o paladar, enfim, estimular hábitos de alimentação saudável que serão levados para toda a vida.

      • tassi diniz

        Ok. Muito obrigada pela resposta. Mas li em outros artigos que o leite de vaca só deve ser oferecido depois dos dois anos de idade. Teria alguma outra opção mais saudável que o ninho e sem ser o de vaca?

      • Bom, Tassi, as fórmulas infantis, inclusive o Leite Ninho, são formuladas com leite de vaca (em pó).
        O Ninho fases não é leite em pó APENAS; ele é um preparado lácteo – que contém outros ingredientes, como podemos observar:
        Leite parcialmente desnatado, xarope de milho, lactose, óleo de milho, óleo de canola, oleína de palma, frutooligossacarídeos, sais minerais, vitaminas e emulsificante lecitina de soja. NÃO CONTÉM GLÚTEN. (Fonte: http://www.nestle.com.br/site/marcas/ninho/leites_em_po/ninho_fase_1.aspx).
        Logo, na nossa opinião, acreditamos que o ideal é o leite materno e o leite de vaca integral.
        Talvez, a questão da introdução de leite de vaca antes de 2 anos não seja recomendada (nos textos que você leu), visto que ainda é um período em que o leite materno ainda pode (e deve) ser ofertado. Se você quiser nos enviar por e-mail os textos que leu, para discutirmos melhor sobre os possíveis motivos, estamos à disposição!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s